Um dos mais notáveis rituais que sobrevivem na Europa moderna.”
– Rodney Gallop, diplomata e etnógrafo inglês –

 

Assim se exprime, referindo-se à Bugiada e Mouriscada de Sobrado, o diplomata e etnógrafo inglês Rodney Gallop, no seu livro “Portugal, a Book of Folk Ways“, naquele que é também a mais antiga e interessante apresentação da Festa de São João de Sobrado.

Assim se exprime, referindo-se à Bugiada e Mouriscada de Sobrado, o diplomata e etnógrafo inglês Rodney Gallop, no seu livro “Portugal, a Book of Folk Ways“, naquele que é também a mais antiga e interessante apresentação da Festa de São João de Sobrado.

A Bugiada tem lugar na freguesia de Sobrado, Concelho de Valongo  e a participação de uma comunidade em torno da PAIXÃO, inexplicável para muitos, mas de valor inconfundível para os Sobradenses.

Enquanto outras tradições vão desaparecendo ou perdendo valor, a Bugiada não dá sinais de esmorecimento. ganhando uma maior vivacidade. E a festa dos rituais, das danças, da música e da exuberância, que se perde nos tempos.

Ocorre a 24 de Junho, 0 maior dia do ano, reunindo muitas personagens que participam entusiasticamente, desenvolvendo diversos espectáculos cénicos, que têm lugar na rua, embora se concentrem, na sua maioria, no Largo do Passal, lugar estratégico por ser o coração da freguesia.

A festa caracteriza-se pela guerra entre o Bem e o Mal, personificado nos Bugios/Cristãos e nos Mourisqueiros. 0 Bem é desordeiro, folião, anarca – é o Bugio, o Mal é ordeiro, aprumado, correcto – é o Mourisqueiro, assistindo-se a uma inversão dos valores tradicionalmente atribuídos.

Esta antiga e genuína manifestação da tradição popular, atrai milhares de pessoas, não só das localidades mais próximas, mas também de todo o País, e não se conhece festividade igual aquém e além fronteiras.

Em sua homenagem, foi inaugurado a 21 de Junho de 2008, na Rotunda junto ao Largo do Passal, um conjunto escultórico que representa a cena da Prisão do Velho.

Apesar da sua grandiosidade a maioria dos portugueses ainda a desconhece e muitos que a ela assistem, mesmo fascinados, não a entendem. Impõe-se, assim, a explicação da lenda que a suporta, para possibilitar o seu absoluto desfrute.

Descarregar – Brochura Festa_Bugiada || Data da Festa: 24 de Junho dia de S. João ( clica aqui para veres o local da festa )